Uma Análise do Comportamento de Algumas Medidas de Ajuste Usadas na Determinação dos Parâmetros de Modelos de Distribuição de Viagens

E.T. BEZ, M.B. Gonçalves

Abstract


Modelos de distribuição de viagens são usados no contexto de Planejamento de Transportes para estimar o número de viagens entre pares de zonas de tráfego numa área de estudo. Em geral, estes modelos possuem parâmetros que devem ser determinados para cada situação particular. Para determinar esses parâmetros algumas medidas clássicas de ajuste são usadas, tais como: princípio estatístico da máxima verossimilhança, soma média dos erros quadrados e estatística-normalizada. Na literatura encontram-se relatos de que, dependendo da medida de ajuste usada, a determinação dos parâmetros de alguns modelos pode constituir-se em verdadeiro pesadelo computacional. Neste contexto, no presente trabalho procura-se investigar o comportamento dessas medidas bem como as principais dificuldades associadas aos procedimentos numéricos utilizados para a determinação dos parâmetros de modelos gravitacionais e gravitacionais de oportunidades, os quais constituem a classe mais difundida de modelos de distribuição de viagens.

References


[1] L.M.W. Almeida, Desenvolvimento de uma Metodologia para Análise Locacional de Sistemas Educacionais Usando Modelos de Interação Espacial e Indicadores de Acessibilidade", Tese de Doutorado, PPGEP, UFSC, Florianopolis, SC, 1999.

L.M.W. Almeida e M.B. Gonçalves, A Methodology to incorporate behavioral aspects in trip-distribution models with an application to estimate student ow, Environment and Planning A, 33 (2001), 1125-1138.

E.T. Bez e M.B. Gonçalves, Um estudo sobre os procedimentos usados para a determinação dos parâmetros de alguns modelos de distribuição de viagens, em Memorias do XI CLATPU", Habana, Cetra, 2001. 1 CD.

G. Diplock e S. Openshaw, Using simple genetic algorithms to calibrate spatial interaction models, Geographical Analysis, 28, No. 3 (1996), 262-279.

A.W. Evans, The calibration of trip distribution models with exponential or similar cost functions, Transportation Research, 5 (1971), 15-38.

N.D. Finney, Trip Distribution Models: New Perspectives in Urban Transportation Research", A.J. Catanese, Lexington: Lexington Books, pp. 63-146, 1972.

M.B. Gonçalves, Desenvolvimento e Teste de um Novo Modelo Gravitacional de Oportunidades de Distribuição de Viagens", Tese de Doutorado, PPGEP, UFSC, Florianopolis, SC, 1992.

M.B. Gonçalves e I. Ulysséa Neto, The development of a new gravityopportunity model for trip distribution, Environment and Planning A, 25 (1993), 817-826.

M.B. Gonçalves e J.E. Souza de Cursi, Métodos robustos para a calibração de modelos de interação espacial em transportes, em Anais do XI ANPET", Vol. 2, pp. 303-313, 1997.

M.B. Gonçalves, L.M.W. Almeida e E.T. Bez, Análise comparativa de alguns modelos de distribuição de viagens usados para estimar uxos de passageiros por motivo escola, em Anais do XI PANAM", pp 467-480, 2000.

M.B. Gonçalves e J.E. Souza de Cursi, Parameter estimation in a trip distribution model by random perturbation of a descent method, Transportation Research B, 35 (2001), 137-161.

G.M. Hyman, The calibration of trip distribution models, Environment and Planing, 1 (1969), 105-112.

A.G. Novaes Métodos de Otimização: Aplicaç~oes aos Transportes", Edgard Blucher, São Paulo, 1978.

M. Pogu e J.E. Souza de Cursi, Global optimization by random perturbation of the gradient method with a xed parameter, Journal of Global Optimization, 5 (1994), 159-180.

D.P. Smith e R.G. Hutchinson, Goodness of t statistics for trip distribuition models, Transportation Research, 15A (1981), 295-303.

M.J. Wills, A exible gravity-opportunities model for trip distribution, Transportation Research, 20B (1986), 89-111.

A.G. Wilson, A statistical theory of spatial distribution models, Transportation Research, 1 (1967), 253-269.

A.G. Wilson, Entropy in Urban and Regional Modelling", Pion, London, 1970. [19] S. Yun e A. Sen, Computation of maximum likelihood estimates of gravity model parameters, Journal of Regional Science, 34, No. 2 (1994), 199-216.

S. Yun e A. Sen, Computation of maximum likelihood estimates of gravity model parameters, Journal of Regional Science, 34, No. 2 (1994), 199-216.




DOI: https://doi.org/10.5540/tema.2002.03.01.0051

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Refbacks

  • There are currently no refbacks.



Trends in Computational and Applied Mathematics

A publication of the Brazilian Society of Applied and Computational Mathematics (SBMAC)

 

Indexed in:

                       

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia